| Tecnologia

Uma equipe de projeto com sede em Jorvas (FIN), liderada pelo líder técnico da RAN do Programa de Prontidão para 5G da Ericsson, Richard Wirén, desenvolveu, em conjunto com a Centria University of Applied Sciences, um novo sistema para testar a cobertura da rede móvel celular.

O novo sistema utiliza scanners de teste de rede móvel e smartphones da Rohde & Schwarz montados em um drone que pode ser programado para executar testes automáticos com considerável flexibilidade, por exemplo, para seleção precisa de rotas e controle de velocidade. Esta solução é especialmente valiosa para casos de uso industrial. Ela também tem vantagens em relação aos testes tradicionais de caminhada e condução, fornecendo repetibilidade sem precedentes e precisão posicional, com a capacidade de verificar a formação de feixes e a cobertura do mapa em 3D.

O scanner de rede R&S TSMA6 é montado em um drone e é capaz de verificar simultaneamente importantes métricas de cobertura LTE e 5G NR, como potência de sinal recebido de referência (RSRP) e relação sinal-interferência-mais-ruído (SINR) de acordo com 3GPP padrões. Quando combinados com o otimizador baseado em smartphone R&S QualiPoc Android, são possíveis as métricas de rastreamento de IP e de QoS do aplicativo, como o fornecimento de parâmetros de célula. A solução atualmente usa equipamentos de usuário LTE (UE), mas em breve será desenvolvida para incluir UEs 5G, como o Samsung S10 5G.

“Para que o 5G cumpra sua promessa, é essencial a verificação de operação e qualidade em campo, e esse desenvolvimento é uma maneira pioneira de garantir que nossos clientes recebam o desempenho de rede de que precisam. Estamos muito satisfeitos por utilizar soluções de teste da Rohde & Schwarz, que se mostraram muito confiáveis. Estamos entusiasmados por agora termos acesso a soluções baseadas em UEs 5G NR comercialmente disponíveis, como o Samsung S10 5G”, comentou Richard Wirén, líder técnico da RAN do Programa de Prontidão para 5G da Ericsson.

O drone pode ser programado para seguir uma rota tridimensional exata. Os mais de 20 voos de medição bem-sucedidos realizados até agora mostraram que o procedimento e os resultados da solução são extremamente repetíveis. Os voos dos drones eram de várias durações, altitudes e rotas, dependendo do caso de teste. Controle, autenticação e controle de tráfego aéreo são desafios consideráveis para o desenvolvimento de soluções robustas baseadas em drones. Neste novo sistema, eles são conduzidos através de redes celulares, eliminando a necessidade de conexão de linha de visão entre o drone e seu piloto.

O projeto é uma colaboração entre Ericsson, Rohde & Schwarz, Tampere University e Centria University of Applied Sciences e faz parte do programa Business Finland 5G FORCE. O vice-presidente de testes de redes móveis Rohde & Schwarz, Hanspeter Bobst, comemorou: “Estamos muito satisfeitos por combinar nosso know-how de testes de rede móvel líder do setor com a longa tradição de inovações de rede da Ericsson para garantir que a entrega da Qualidade de Experiência do usuário final com o 5G NR se torna uma realidade.”

Os desenvolvimentos futuros se concentrarão no teste de aplicações 5G críticas, como segurança pública e comunicações do tipo máquina para a Indústria 4.0, estendendo a frequência a frequências extremamente altas das bandas mmWave e testando em um ambiente urbano.

Fonte: Panorama Audiovisual